• Marco Antonio Silva Jorge

Marketing de conteúdo é crucial para cadastrar apoiadores, eleitores potenciais no projeto político

O marketing de conteúdo no marketing político, campanha eleitoral e negócios não só garante maior lealdade e dá a você um grande público para juntar apoiadores e eleitores potenciais, mas também dá a você mais impacto e autoridade.



Pense na sua celebridade favorita. Alguém que você realmente admira, cujo trabalho você admira e que você acha que mudou a vida deles. Imagine se eles recomendassem uma certa peça de roupa ou um certo suplemento de saúde. Você estaria mais propenso a comprá-lo?


A resposta para a população em geral é um retumbante sim. É por isso que o sapato que a Under Armour projetou com o grande influenciador online Dwayne Johnson foi o mais vendido em 2017. O sapato: The Rock Delta, tinha a vantagem considerável de ser recomendado por alguém com um grande público e uma grande quantidade de autoridade e confiança dentro dessa comunidade. E também que o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, faz um enorme sucesso na internet. Ele coloca o conteúdo de exatamente de como ele é. E ainda conta com alguns de seus filhos, como o Vereador Carlos Bolsonaro para corroborar para divulgar amplamente seu conteúdo.


O objetivo do marketing de conteúdo é essencialmente construir esse tipo de confiança e autoridade diretamente. Em vez de trabalhar com uma autoridade, você se tornará essa autoridade.


Dê uma olhada em alguém como Tim Ferriss, Pat Flynn ou mesmo Tony Robbins. São pessoas que oferecem valor por meio de seus blogs e vídeos para que, quando tenham algo para vender, tenham milhões de pessoas esperando para comprar deles. Tudo o que eles lançam é um sucesso, por causa do trabalho de base que colocaram no início. O mesmo se aplica à personalidade do YouTube, Elliott Hulse, ou ao site de fisiculturismo T-Nation.com. Esses são sites com fãs, não apenas leitores. Existem outros políticos que também fazem um trabalho baseado em marketing de conteúdo, como a deputada federal Joice Hasselmann, o prefeito do município do Rio de Janeiro Eduardo Paes.





Como o marketing de conteúdo cria fãs e compradores no marketing político, campanha eleitoral e negócios


Vimos os princípios básicos de como funciona o marketing de conteúdo, mas agora vamos mergulhar nisso com mais detalhes. Qual é o processo preciso que converte um visitante de primeira vez em um fã engajado no meu projeto político ou com meus pontos de vista? Como o marketing de conteúdo leva alguém de uma "pista fria" até um "apoiador engajado"?


Bem, primeiro, o conteúdo é o que ajudará seu novo visitante a descobrir seu site. Eles pesquisarão um tópico específico e seu site aparecerá nos resultados da pesquisa, ou talvez eles vejam uma postagem sua no Facebook de que um amigo gostou. De qualquer forma, eles clicarão no link e lerão seu site, mas isso por si só não será suficiente para transformá-los em fãs de verdade.


Na verdade, eles provavelmente simplesmente deixarão seu site e não voltarão! Provavelmente, eles rolarão a página para baixo tão rápido que nem mesmo verão seu logotipo e, então, simplesmente irão embora assim que terminarem.


Dias, semanas ou meses se passarão e a mesma coisa acontecerá mais algumas vezes. Por coincidência, eles acabarão no seu site. É neste ponto que eles vão começar a reconhecer um pouco da sua marca e vão notar que você está dando um show bastante decente aqui. Eles anotarão o nome do seu projeto político e, na próxima vez que pesquisarem no Google, procurarão o nome de seu site nos resultados de pesquisa.


Se continuarem a ficar impressionados, acabarão por considerar a possibilidade de adicionar a sua página aos favoritos ou apenas ocasionalmente verificar a página inicial para ver o que há de novo. É nesse ponto que eles podem se inscrever ou seguir você no Facebook ou Twitter.


E é neste ponto que você acabou de transformar seu visitante de uma pista fria para uma pista muito quente.


E agora, quando você vier apresentando algo, é muito provável que eles se interessem. Eles não serão apenas os primeiros a saber disso, porque estão lendo seu conteúdo regularmente; agora, eles também saberão quem você é, confiarão em você para fornecer conteúdo de alta qualidade e saberão que você conhece o seu projeto político.


Imagine se você lesse o site de um fotógrafo toda semana e o fotógrafo compartilhasse dicas sobre como eles criam as fotos perfeitas, quais ferramentas usam e como cada trabalho é importante para eles.


Se você ler isso com bastante frequência, provavelmente respeitará o ponto de vista do fotógrafo e saberá pelo menos que eles têm um conhecimento profundo de seu ofício e o levam a sério.


Agora imagine que você precisa de alguém para tirar algumas fotos para o seu site, seu casamento ou outro evento. Quem você consideraria perguntar primeiro? (Supondo que fossem locais.)


Este é o poder do marketing de conteúdo e é algo que você pode ver usado de forma eficaz em inúmeros funis de votos e por muitos outros profissionais de marketing político.


Pense desta forma: se você acessasse um site e a primeira coisa que ele fizesse fosse tentar vender algo para você, o que você faria? Você provavelmente iria embora! Você nunca pediu para comprar algo e, mais especificamente, você não tem motivos para confiar na pessoa que vende. Parece spam e você sai.


Isso é consideravelmente diferente de ser um leitor antigo de um blog que fala sobre um projeto político e então descobrir que o autor do projeto também tem um livro físico ou livro digital lançado em uma livraria ou em um marketplace da internet como a Hotmart. Essa é uma forma muito menos invasiva de descobrir um projeto e mais direto ao ponto, você sabe algo sobre aquele blogueiro, sabe que ele conhece o que faz e pode confiar nele. Eles construíram uma marca por meio de seu marketing de conteúdo e isso significa que você se sentirá muito mais confortável para apoiar o projeto político e até entregando seu dinheiro comprando algum produto digital que o candidato ou político esteja promovendo para aumentar os recursos para o projeto ou mesmo para futura campanha eleitoral.


Gosto de pensar nisso em termos de namoro. Tentar vender ou apresentar um projeto político para alguém sem primeiro estabelecer confiança e autoridade é como abordar um estranho na rua e perguntar se ele vai voltar para casa com você! Eles não conhecem você, não confiam em você e ficam irritados com a interrupção do dia deles.


Mas se você fez o trabalho de base conversando, namorando e demonstrando que é uma pessoa legal, você ganhará o direito de convidá-los para casa.


Vejamos um exemplo: Érico Rocha.


Érico é um profissional de marketing digital controverso e um nome conhecido graças à sua série de anúncios que aparecem no YouTube antes de outros vídeos. Ele é responsável pelo "fazer um 6 em 7" que tem circulado online e se você já passou algum tempo online, é provável que o tenha encontrado.


Embora você possa achar irritantes as estratégias de marketing direto do brasileiro (como a maioria das pessoas), a realidade é que elas funcionam. Sabemos que funcionam, caso contrário, ele não teria conseguido fazer tantos com os lucros dos seus vídeos anteriores!


O sucesso vem em parte de como os vídeos são apresentados, suas promessas personalizadas. Érico mostra muitos testemunhos de resultados financeiros de alunos anteriores. Isso tudo faz parte de sua estratégia, é claro - como o presidente dos EUA, Donald Trump nos mostrou, nenhuma publicidade é má publicidade. Ser constante faz as pessoas falarem e isso é ótimo para os negócios.


Mas o que você também pode aprender com o Érico é um exemplo imaculado de marketing de conteúdo.


O marketing de conteúdo não significa apenas postagens em blogs. Também significa vídeo, fotos e realmente qualquer coisa que possa ser considerada conteúdo.



A série de vídeos "Maratona 6 em 7" do Érico é um exemplo de conteúdo.


A próxima coisa que ele faz, porém, é falar sobre os próximos vídeos: são vídeos gratuitos que dura mais de 2 horas de duração. Isso é importante porque o vídeo não é apenas aparentemente de grande valor (4 vídeos de 120 minutos grátis!), Mas também é uma oportunidade para ele construir mais confiança e autoridade.


Se o Érico dissesse para você comprar dele assim que assistisse ao vídeo no YouTube, você provavelmente não faria. Você ignoraria o vídeo e continuaria com sua vida. Neste ponto, ele não fez o suficiente para provar a si mesmo para encorajá-lo a comprar dele.


Mas agora imagine que você acabou de assistir a 120 minutos de conteúdo além daquele anúncio. Agora você sabe qual valor (eu acho ...) o Érico é capaz de fornecer. Você gosta do que ele tem a dizer, confia nele e tem mais motivos para considerá-lo uma autoridade em seu campo.


É apenas neste ponto que o Érico começará a tentar vender para seu público. Com isso, ele conquistou o direito de vender e o público está mais interessado em comprar dele. Esperamos que eles estejam agora convencidos de que ele é um guru que faz dinheiro e, se quiserem ter um pouco de seu sucesso, podem considerar investir em um de seus cursos!


Este é um típico "funil de vendas" no marketing político, campanha eleitoral e negócios, que por sua vez é qualquer sistema projetado para levar alguém desde o primeiro encontro com uma marca até o desejo de comprar do criador. Um funil quase sempre começa com algo grátis - uma degustação grátis - e então encoraja mais e mais engajamento até o ponto em que tenta fazer uma venda ou cadastro para apoiar um projeto político


Mas esse funil de vendas - como todos os funis de vendas no marketing político, campanha eleitoral e negócios - também depende muito do conteúdo, o que o torna um exemplo de marketing de conteúdo. Se você deseja construir confiança e gerar recursos para o projeto político e campanha ou cadastros a partir do seu próprio site ou blog, precisa imitar esse processo. E começa com um conteúdo incrível.


Continue acompanhando os próximos 6 artigos para fixar bem o marketing de conteúdo e como ele ajudará muito no seu projeto político.




Temos alguns cursos que podem ajudá-lo com o marketing digital para seu projeto político, causa, ou negócio. Conheça todos os nossos produtos: https://space.hotmart.com/interidade-producao-mentoria-consultoria-marketing-digital-politico-eleitoral-cursos-on-line-ead

Nossos cursos e produtos digitais voltados para Adultos 50 mais, Home-office e Marketing Político:

https://www.interidade-cursos-on-line.com.br/produtos-digitais-guias-para-adultos-50-mais

https://www.interidade-cursos-on-line.com.br/produtos-digitais-guias-para-home-office-negocio-trabalho-em-casa

https://www.interidade-cursos-on-line.com.br/produtos-digitais-guias-de-marketing-politico

Também temos uma parceria com a Universidade Estácio de Sá e proporcionamos bolsas de estudos de até 60% para praticamente todos os cursos de graduação e pós graduação: https://www.interidade-cursos-on-line.com.br/faculdade-e-pos-graduacao-ead


6 visualizações0 comentário
 
Interidade Cursos Online e Marketing Político, Home Office e Negócio © 2021 by Marco Antonio Silva Jorge is licensed under CC BY-NC-ND 4.0

Interidade Cursos Online e Marketing Político, Home Office e Negócio by Marco Antonio Silva Jorge is licensed under CC BY-NC-ND 4.0

Autosurf Websyndic Otohits.net, fast and efficient autosurf